Google Hacker

Olá pessoal!

Sem Duvida para milhões de pessoas, o Google é uma ferramenta indispensável, no trabalho, para buscar uma musica, um livro, sites importantes, filmes etç.

Mas as Vezes Buscamos algo constantemente e não achamos bem o que queríamos, então somos obrigados a “Apelar” a ferramentas existente na web a Anos, porem muitas pessoas não tem conhecimento  das mesmas.

Alguem já ouviu falar de Google Hacker?

Para acessar  acesse: https://www.google.com/webhp?hl=xx-hacker

O que é Hacker ?(Resumo) Definição Completa Aqui

Os hackers e crackers são indíviduos da sociedade moderna, e possuem conhecimentos avançados na área tecnológica e de informática, mas a diferença básica entre eles é que os hackers somente constróem coisas para o bem e os crackers destróem, e quando constróem, fazem somente para fins pessoais.

Dica

A dica que eu dou para esse site, é quando necessitamos de procurar documentos com urgência, no caso, basta colocar o que se procura e na seqüência colocar a extensão do arquivo:

Exemplo: Se quiser uma planilha de controle de estoque.

Digite no Google Hacker: controle de estoque.xls

observe que é apenas o nome do que se quer +  a extensão do arquivo

Os arquivos Modelos para baixar irão aparecer entre colchetes [xls].

e assim sucessivamente:

.doc  ou docx ( Word)

.xls ou .xlsx ( Excel)

Pdf (.pdf)

Slides (.pps)

Photoshop (.PPS)

e assim sucessivamente.

Mais ajuda de pesquisa

O artigo Ajuda básica de pesquisa trata de todos os problemas mais comuns, mas às vezes você precisa de um auxílio um pouco mais forte. Este documento destacará os recursos mais avançados da Pesquisa na web do Google. Lembre-se de que mesmo os usuários mais avançados, como os membros do grupo de pesquisa do Google, utilizam esses recursos menos de 5% do tempo. Geralmente, a pesquisa básica é suficiente. Como sempre, usaremos colchetes [ ] para exemplificar as consultas. Portanto, [ ser ou não ser ] é um exemplo de consulta, enquanto [ ser ] ou [ não ser ] são dois exemplos de consultas.

  • Pesquisa de frase (“”)
    Ao colocar conjuntos de palavras entre aspas, você estará dizendo ao Google para procurar exatamente essas palavras nessa mesma ordem, sem alterações. O Google já utiliza a ordenação e o fato de palavras estarem juntas como um forte sinal e desviará desse padrão somente por um bom motivo. Portanto, as aspas são desnecessárias. A insistência na pesquisa de frases poderá fazer com que você não tenha acesso a bons resultados. Por exemplo, uma pesquisa por [ "Pedro Cabral" ], entre aspas, excluirá páginas que possam se referir a Pedro Álvares Cabral.
  • Pesquisar uma única palavra exatamente como ela é (“”)
    O Google emprega sinônimos automaticamente, de maneira que sejam encontradas páginas que mencionem, por exemplo, “catavento” nas consultas por [ cata vento ] (com espaço), ou prefeitura de Porto Alegre para a consulta [ prefeitura de poa ]. No entanto, às vezes o Google ajuda um pouco além da conta, fornecendo um sinônimo quando você não o deseja. Ao colocar aspas duplas em uma única palavra, significa que a correspodência desta palavra deve ser exatamente igual ao que você digitou.
  • Pesquisa em um site específico (site:)
    O Google permite que se especifique de qual site deverão sair os resultados de pesquisa. Por exemplo, a consulta [ iraque site:estadao.com.br ] retornará páginas sobre o Iraque, mas somente dentro do site folha.com.br. As consultas mais simples [ iraque estadao.com.br ] ou [ iraque Estadão ] geralmente funcionarão com a mesma eficiência, ainda que possa haver resultados de outros sites que mencionem o Estadão. Também é possível especificar um tipo de site, por exemplo [ iraque site:.gov ] somente retornará resultados de sites com domínio .gov, enquanto [ iraque site:.iq ] somente retornará resultados de sites iraquianos.
  • Termos a serem excluídos (-)
    Colocar um sinal de menos antes de uma palavra indica que você não deseja que apareçam nos resultados as páginas que contenham essa palavra. O sinal de menos deve aparecer imediatamente antes da palavra, precedida por um espaço. Por exemplo, na consulta [ couve-flor ]o sinal de menos não será interpretado como um símbolo de exclusão, enquanto que a consulta [ couve -flor ] pesquisará por ocorrências de “couve” em sites que não apresentem a palavra flor. Você poderá excluir quantas palavras desejar, usando o sinal - antes de todas, como por exemplo [ universal -studios -canal -igreja ]. O sinal - pode ser usado para excluir mais do que palavras. Por exemplo, coloque um hífen antes do operador “site:” (sem espaço) para excluir um site específico dos resultados de pesquisa.
  • Preenchimento de espaços (*)
    O asterisco *, ou caractere curinga, é um recurso pouco conhecido que pode ser muito útil. Se você incluir o * em uma consulta, o Google considerará o asterisco como um espaço reservado para termos desconhecidos e tentará encontrar os resultados que melhor corresponderem. Por exemplo, a pesquisa [ Google * ] retornará resultados sobre muitos dos produtos Google (vá para a página seguinte, e para a seguinte — nós temos diversos produtos). A consulta [ * ganhou oscar de * ] retornará resultados sobre diferentes ganhadores do Oscar. Observe que o operador * funciona somente com palavras completas e não com partes de palavras.
  • O operador OR
    Por padrão, o Google considera todas as palavras em uma pesquisa. Se você deseja que qualquer uma das palavras pesquisadas retornem resultados, poderá usar o operador OR (observe que você precisará digitar OR em LETRAS MAIÚSCULAS). Por exemplo, [ campeão brasileiro 1994 OR 2005 ] retornará resultados sobre qualquer um desses anos, enquanto [ campeão brasileiro 1994 2005 ] (sem OR) mostrará páginas que incluam ambos os anos na mesma página. O símbolo | pode substituir OR. A propósito, o operador AND é o padrão. Portanto, não é necessário. ( Fonte: http://www.google.com.br/support/websearch/bin/answer.py?answer=136861)

Espero ter ajudado um pouco!

Até a próxima Pessoal!